Comprar, vender, aluguel Casas e apartamentos em Florianópolis, Grande Florianópolis, São José

  • +55 (48) 3330 1600 / +55 (48) 9172 9993

04/02/2017 | Comércio de Santa Catarina começa o ano com bons índices

Foto: Leo Munhoz / Agencia RBS

 

Depois de um 2016 de recordes amargos para o comércio catarinense, 2017 começa com um indício de recuperação. Os principais índices de confiança, endividamento e intenção de consumo apurados pela Fecomércio SC mostraram evolução com relação a janeiro do ano passado.

O Índice de Confiança do Empresário do Comércio (ICF) medido em janeiro marcou acima dos 100 pontos, indício de retomada do bom humor no setor. De acordo com o economista da Fecomércio SC Luciano Córdova, o indicador acumula o quarto crescimento consecutivo desde o final do ano passado. Na comparação com o primeiro mês de 2016, houve crescimento de 19,8%.

Do ponto de vista do consumidor, a expectativa para a economia do país ainda é cautelosa, mas assume viés positivo. A Intenção de Consumo das Famílias (ICF) teve uma leve alta na comparação entre janeiro deste ano e do ano passado, de 0,7%. Segundo Córdova, o indicador vem se recuperando desde setembro de 2016, com altas sucessivas, depois de registrar recorde negativo histórico entre julho e agosto do ano passado.

Já a pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (PEIC) mostra uma sensível recuperação: em janeiro de 2016, 62,2% das famílias estavam endividadas. No mês passado, o indicador caiu para 57,5%. Córdova destaca que os consumidores que declaram não ter condições de pagar as contas em dia passou para 10,9%. A taxa é considerada um indicador de inadimplência. Ainda não está nos percentuais de 2014, quando a economia catarinense operava em rotação mais acelerada, de 5% a 6%, mas já mostra alívio em comparação ao primeiro mês de 2016, quando marcava 13%.

0